Enquanto a janela de inverno do futebol europeu não fecha, em 31 de janeiro, os clubes seguem fazendo suas contratações pontuais para a sequência da temporada. Nesta quinta-feira (11), o Valenciauma das sensações do certame atual, anunciou seu mais novo reforço. Trata-se do volante Francis Coquelin, que estava no Arsenal desde 2008, entre idas e vindas por empréstimo. Contratado por 14 milhões de euros (cerca de R$ 54,3 milhões), o jogador francês de 26 anos assina contrato até 30 de junho de 2022, com cláusula de rescisão de 80 milhões de euros (R$ 310,5 milhões).


​Real x PSG, Chelsea x Barça, Juve x Tottenham e Sevilla x United e muito mais! Os oito confrontos das oitavas da Liga dos Campeões estão definidos e só vão rolar JOGAÇOS! Não quer perder nenhum lance? Então, clique aqui, assine o Esporte Interativo Plus por apenas R$ 9,90/mês e assista a tudo isso AO VIVO! Dá só R$ 0,33/dia!


"Estou muito feliz, é um grande desafio e uma nova vida começa para mim, estou muito animado. Shkodran Mustafi, Nacho Monreal, Héctor Bellerín e Santi Cazorla (ex-colegas de Arsenal que têm ligação com o futebol espanhol) concordam que Valência é uma grande cidade e o clube é grande. Então, estou muito agradecido por estar aqui. Eu vi a equipe, eles estão indo muito bem, em terceiro lugar na classificação. Eu vi os últimos jogos desde que as negociações entre os dois clubes estavam acelerando, como a última partida, contra o Las Palmas, na Copa do Rei, e foi muito bom. Eu acho que os jogadores estão fazendo um ótimo trabalho. Obviamente, estou aqui para ajudar o time a cumprir os objetivos", comentou o jogador francês, em suas primeiras palavras como nova contratação do Valencia.

No anúncio oficial em seu site, o clube o descreveu assim: "Coquelin vem para reforçar o meio-campo, com objetivo de dar equilíbrio na faixa central. Ele tem conceitos táticos muito bons, brilha na faceta da recuperação de bolas e quando tem a bola, aposta pelo jogo mais fácil, tendo uma grande regularidade em seu jogo. Nos clubes onde jogou, foi considerado um jogador de futebol com muita concentração no gramado, potente, confiável, consistente e ideal para uma equipe rígida taticamente".


​MERCADO INTERATIVO: acompanhe aqui as principais notícias da janela internacional


Nos Gunners desde a categoria de base, Coquelin foi contratado pelo técnico Arsène Wenger junto ao modesto Laval, clube de sua cidade, quando tinha apenas 17 anos. Estreou ainda em 2008 no time profissional, mas não teve muitas oportunidades nos anos seguintes e passou emprestado por Lorient, Freiburg e Charlton, antes de se firmar na equipe principal, em 2014/15. No total, com a camisa do Arsenal, foram 160 partidas, nenhum gol e três títulos: dois da Copa da Inglaterra e um da Community Shield, a Supercopa da Inglaterra. Nesta temporada, entrou em campo apenas 13 vezes.

eiplus.com.br

Clique aqui para assinar!